fbpx
Caraguatatuba » São Paulo
Poder Executivo de Caraguatatuba quer financiamento de R$152 milhões em Obras

Projeto encaminhado pelo Executivo a Câmara pede financiamento de uma grande quantia em dinheiro e deixa a opinião pública dividida

13/08/2019 20h52 - Por Paulo H. Garcia Jr.

Projeto sendo apresentado na Câmara Caraguatatuba – Crédito Foto: Tamoio News

Foi lido em sessão de Câmara na semana passada, um projeto de autoria do executivo que se aprovado, prevê o financiamento de R$152 milhões junto a Caixa Econômica Federal, que deverão ser destinados a realização de diversas obras na cidade, o contrato prevê um pagamento em 96 parcelas, com 2 anos de carência e juros de 4,5%.

O projeto com o nome de: “Programa de Revitalização de Obras” (Pro Caraguá), prevê o investimento do valor financiado e mais R$88 milhões de recursos próprios ou convênios, em diversas obras a serem realizadas na cidade, somando um total de R$ 240 milhões.

O Executivo e alguns vereadores da base demonstraram um grande otimismo em relação ao projeto devido a geração de empregos, que segundo as expectativas do próprio poder Executivo chegarão a pouco mais de 4 mil vagas na cidade, e aos benefícios que as obras trarão a população.

Dentre as obras a serem realizadas estão:

  • Obras de combate as enchentes em quatro bairros;
  • Construção de uma escola e cinco creches, e reforma de outras escolas e creches;
  • Dois ginásios poliesportivos a serem terminados;
  • A construção da UBS Rio do Ouro e término da UBS Perequê-Mirim;
  • Ampliação dos leitos da Santa Casa;
  • Reforma e ampliação do Centro de controle de Zoonoses;
  • Pavimentação de 110 ruas e construção da ciclovia na região Sul;
  • Obras no Rio Juqueriquerê;
  • Reconstrução do deck do Massaguaçu;
  • Instalação de quatro mil luminárias de LED;
  • Outras obras como campos de futebol, academias ao ar-livre, ranchos de pesca e reforma de praças.

No entanto o projeto dividiu opiniões na cidade pois enquanto parte da população e da imprensa compartilha o otimismo do executivo, uma outra parte se manifestou contra o financiamento temendo o endividamento do município, e questionando a prudência da medida e a necessidade da realização de um projeto desse tamanho de uma única vez e não de maneira gradual. Alguns dos principais argumentos apontam para o fato de que o orçamento do município para 2020 já chega a casa dos R$ 800 milhões e para a possibilidade de perda do poder de investimento do município. Houve ainda a manifestação de vereadores da oposição se declarando contra o projeto, entre eles o vereador Celso Pereira(PSDB) que supostamente encabeçou uma representação referente ao projeto junto ao Ministério Público.

Projeto sendo discutido em audiência pública – Crédito da Foto:Tomoio News

A Câmara Municipal realizou uma audiência pública para discussão do projeto na última sexta(9), e está prevista a realização de mais uma audiência referente ao mesmo tema.

Fontes:

www.tamoiosnews.com.br/geral/aguilar-jr-quer-aprovacao-da-camara-para-obter-financiamento-de-r-150-milhoes-na-cef/

www.tamoiosnews.com.br/geral/aguilar-jr-detalha-investimentos-de-r-240-milhoes-do-pro-caragua/