fbpx
São Paulo
MBL São Paulo difunde liberalismo nas regiões periféricas da cidade

MBL São Paulo promove palestra de Fernando Holiday na Comunidade Pentecostal Resgatando Vidas – CPRV

08/08/2019 14h01 - Por Fernando Dainese

MBL São Paulo e o Vereador Fernando Holiday durante palestra no CPRV (Foto:MBL SP)

Recentemente o MBL deu uma guinada para o caminho da informação e abandonou as “mitadas” e memes com senso de urgência do tipo: “Golaço” ou “Kim destrói fulano” que poderiam levar a uma rasa interpretação dos fatos por parte do leitor corriqueiro. E o MBL São Paulo embarcou nessa onda, onde ao invés de apenas escrachar as coisas erradas que acontecem na cidade e fazer a devida fiscalização municipal e estadual, começou também a levar seminários sobre liberalismo econômico e político para as pessoas que moram nas regiões periféricas da nossa grande e amada São Paulo. Levantar o debate na periferia é a chave para o melhor entendimento dos fatos pela sociedade e consequentemente, a derrubada da “ditadura” do populismo onde o mesmo é essencial para eleger um vereador em determinadas regiões da metrópole.

Com esse objetivo o MBL São Paulo promoveu neste último domingo 4 uma palestra do vereador Fernando Holiday na CPRV que fica no Parque Colonial, no extremo sul da capital paulista. Um local simples, mas frequentado por pessoas que possuem o legítimo desejo de praticar o bem e ajudar a comunidade. De cunho religioso, a CPRV procura fornecer orientação espiritual cristã aos seus fiéis e é conhecida pelo trabalho social com pessoas que desejam abandonar o mundo das drogas.

Durante o seminário foram abordados os temas de inclusão social e cidadania, que são de grande relevância para o debate nas periferias. São nestes locais que as pessoas tendem a se sentir menos amparadas pelos serviços públicos que: se em locais de mais fácil acesso já são ruins, em locais de mais difícil acesso são de péssima qualidade ou até mesmo inexistentes.

Além da presença do vereador raiz do MBL, pudemos contar com a participação do coordenador nacional do MBL Renato Battista, do coordenador municipal do MBL São Paulo Fernando Dainese e de 30 membros apoiadores, entre eles o Jorge Miranda que foi quem viabilizou o seminário. O mesmo teve duração de uma hora e gerou diversas dúvidas da plateia, que não poupou o vereador de perguntas. As perguntas foram tantas que o cerimonialista local teve de encerrar a palestra para não atrasar a ordem das atividades locais.

Afinal, o MBL São Paulo percebeu que sair um pouco do centro (sem abandoná-lo) e rumar em direção as periferias é a melhor forma de promover o debate público de qualidade e trazer informação para as pessoas. As pessoas que habitam regiões mais afastadas tendem a ter uma maior suscetibilidade ao empreendedorismo, pois é nessas regiões que mora um vácuo de produtos e serviços e as possibilidades de negócios são gigantescas. Saber aproveitar essas oportunidades e inserir-se nesses nichos de mercado não é apenas uma questão de ganha pão, como também pode significar prosperidade em um futuro próximo e, por conseguinte uma melhora na qualidade de vida dessas pessoas.