fbpx
Rio de Janeiro
Marido da deputada Flordelis pode ter sido assassinado por briga familiar

“Apesar de ainda não estar 100% descartado, latrocínio vai se afastando” disse um investigador do caso.

17/06/2019 09h16

“Apesar de ainda não estar 100% descartado, latrocínio vai se afastando”, disse um investigador na tarde deste domingo (16). Uma desavença familiar também é investigada como uma das hipóteses para motivação do crime, segundo fontes da delegacia. 

A perícia já foi realizada no local do crime e no carro da vítima. Segue em andamento a investigação. Policiais já descobriram que os bandidos usavam toucas ninja e que o cachorro da família foi dopado antes da invasão. O corpo do marido da deputada teve mais de 30 perfurações, entre marcas de entrada e saída de projéteis, acredita-se em cerca de 15 tiros.

Deputada Flordelis participa do velório do marido — Foto: Reprodução/TV Globo

Deputada Flordelis participa do velório do marido — Foto: Reprodução/TV Globo 

Corpo do pastor Anderson do Carmo é velado em igrega — Foto: Reprodução/TV Globo

Corpo do pastor Anderson do Carmo é velado em igrega — Foto: Reprodução/TV Globo 

A deputada Flordelis concedeu o seu depoimento neste domingo e falou que Anderson, seu marido, tentou evitar que criminosos entrassem em sua casa, para proteger a família.

“Eu só fui dar um passeio com meu marido, mais nada, gente… Só um passeio, que acabou desta forma, [com ele] perdendo a vida protegendo a casa, protegendo a família. O que ele tentou foi evitar que… Infelizmente abriu o portão da garagem e ele tentou evitar que eles entrassem dentro da casa. Ele sacrificou a vida dele para proteger a família”, contou.

Coordenador estadual do MBL no Rio de Janeiro, Estudante de Gestão Pública e defensor da Vida, liberdade e propriedade.