Sem Categoria
‘Visão deturpada’ e ‘desserviço aos fatos’, diz Moro sobre documentário petista

Ministro compartilhou suas impressões sobre a obra de ficção Democracia em Vertigem.

15/02/2020 23h12

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, compartilhou suas impressões sobre a obra de ficção petista que concorreu, um tanto equivocadamente, a melhor documentário do Oscar 2020, Democracia em Vertigem, e não levou o prêmio. Moro falou sobre o filme de Petra Costa em uma entrevista para o canal criado no YouTube pelo deputado federal – e agora blogueiro – Eduardo Bolsonaro, descrevendo-o como “um desserviço aos fatos” por conter “uma visão muito deturpada”.

Eu não tinha assistido. Quando houve essa indicação ao Oscar fui lá ver. Não mata ninguém [assistir]”, disse o ministro, acrescentando: “Para um documentário eu acho que presta realmente um desserviço aos fatos porque é uma visão muito deturpada daqueles acontecimentos. O impeachment [de Dilma Rousseff] e a própria Lava Jato tiveram um maciço apoio da população brasileira“. Moro ressalvou, contudo, que a diretora fez questão de mostrar seu posicionamento político ao longo de todo o filme, sem intenção de dar uma visão imparcial – ou realista – dos fatos.

Pelo menos tem aquele começo que deixa claro onde a cineasta se posiciona“, amenizou o ministro quanto às falácias mostradas no filme. Moro declarou, no entanto, que não percebe qualquer ligação entre o impeachment, a força-tarefa e a eleição do presidente Jair Bolsonaro, que são relacionados pela cineasta ao longo da história. São fatos que não têm uma concatenação. A Lava Jato, juntamente com a questão do impeachment e a eleição do presidente Jair Bolsonaro. São movimentos que foram distintos“, deixou claro o ministro.

Fonte: UOL Notícias.

Continue lendo…

Advogada. Apaixonada pelo direito ambiental. Viciada em política. Humilde - e levemente sarcástica - proprietária do Blog da Azedinha.