fbpx
Corrupção » Justiça » Lava-Jato
Supostamente insatisfeito com a gestão Dodge, coordenador da Lava Jato na PGR pede exoneração

O procurador deixou o cargo na última sexta-feira(12)

16/07/2019 12h07

José Alfredo de Paula, coordenador do grupo de trabalho da Operação Lava-Jato na PGR, pediu exoneração do cargo e abandonou a função na última sexta-feira(12).

O procurador havia demonstrado antes que continuaria no cargo até o mês de setembro, na qual termina a atual gestão de Dodge, mas acabou por antecipar a saída oficialmente, segundo ele, por razões pessoais.

Interlocutores de José Alfredo afirmam que ele vinha estado insatisfeito com o ritmo lento das investigações, causadas em grande parte pelo excesso de centralização do gabinete da procuradora Raquel Dodge(PGR), o que pode ter influenciado na decisão final.

Bacharelando em administração pela UFPB.