ALESP
Sindicalistas cantam “uh, vai morrer” para Arthur do Val antes de confusão

Ações criminosas tomaram a Alesp ontem (04).

05/12/2019 10h02

A esquerda nefasta ataca novamente.

Ao defender a proposta de reforma Previdenciária estadual, o deputado Arthur do Val e a deputada Janaína Paschoal foram ameaçados ontem (04) na Alesp pela manada de sindicalistas que, de forma orquestrada, tomou a galeria da Assembléia.

Os deputados atacados também lutam contra o gasto obsceno de R$ 40 milhões em propaganda. É incrivelmente triste que, ao fazer um trabalho exemplar em prol da população de bem, os parlamentares sejam atacados de forma tão vil.

E o pior: as ameaças não se restringiram aos sindicalistas. Os próprios colegas deputados Barba, Luiz Fernando, Enio Tatto e Emidio de Souza, todos petistas, fizeram parte das ameaças à integridade física de Arthur.

Assista o momento em que o coro de sindicalistas canta “vai morrer, vai morrer”:

Liberal sem paciência para extremos. Críticas e afins: @maiarapiva no Twitter.