Internacional
Presidente do Irã afirma que responsáveis por abater aeronave serão punidos

Avião foi abatido por militares iranianos.

14/01/2020 08h41

O presidente do Irã, Hassan Rouhani, disse nesta terça-feira, 14, que os responsáveis por abater no dia 8 de janeiro deste ano o Boeing 737, da Ukraine International Airlines, em Teerã, capital do país, serão punidos.

“Para o nosso povo é muito importante que quem quer se seja responsável por 1 ato de negligência seja levado perante a justiça”, declarou Rohani em 1 discurso televisivo transmitido em Teerã. “Todos aqueles que têm de ser punidos vão ser castigados.”

Rouhani disse que mais de uma pessoa é culpada pela queda do avião que levava 176 pessoas, todas acabaram falencendo no acidente. O governo do Irã informou que “várias pessoas” foram presas durante a investigação da tragédia. No entanto, não deu detalhes.

A queda do avião ocorreu poucas horas depois do Irã lançar mísseis contra duas bases norte-americanas no Iraque, como forma de retaliação pela morte do general iraniano Qassem Soleimani.

Informações do Poder 360.

Estudante de ciências econômicas na Universidade de São Paulo e membro do movimento Neoiluminismo. Liberal convicto admirador da filosofia prática kantiana, economia ortodoxa, Hayek e história econômica institucional.