fbpx
Lava-Jato » PGR » STF
Por criticar o STF, procurador da Lava Jato toma processo disciplinar

Pelo visto, virou “crime” contestar as ações de algumas “autoridades”

13/08/2019 11h47

O Conselho Nacional do Ministério Público, o CNMP, declarou na data de hoje, terça-feira (13) , que irá abrir um procedimento administrativo disciplinar contra o procurador Diogo Castor de Mattos, da Operação Lava Jato, responsável por investigar e prender diversos corruptos, desde empresários até ex presidentes, devido à críticas proferidas por ele ao Supremo Tribunal Federal (STF).

O procurador foi representado no CNMP após a publicações de artigos publicados por ele na imprensa, onde o mesmo criticava a decisão do Supremo Tribunal Federal, o STF, que definiu a competência da Justiça Eleitoral para investigar crimes cometidos juntamente com o caixa dois eleitoral. Pelo visto, contestar as decisões de alguns que se dizem “autoridades” virou “crime”.

Segundo Raquel Dodge, a atua procuradora-geral da República, “a liberdade de expressão tem limites”, e “é preciso investigar se houve excessos por parte de Diogo em suas críticas.” A pergunta que fazemos à Raquel é: se há de fato no país a tal da liberdade de expressão, e esta é limitada, ela seria ainda liberdade, ou apenas regulação de expressão? Fica a dúvida.

Bacharelando em administração pela UFPB.