fbpx
Governo
Para Bebianno, fala de Carlos Bolsonaro pode ter sido um “teste” da opinião pública

“O vereador também deveria esclarecer o que pensa e defende. Seria ungir o próprio pai à condição de senhor absoluto da nação, de ditador?”, disse.

10/09/2019 16h55

A declaração de Carlos Bolsonaro sobre a “impossibilidade de mudanças no país por meio das vias democráticas” ainda está causando polêmica no cenário político. Na opinião do ex-Secretário-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, a fala de Carluxo pode ter sido apenas para testar a opinião pública sobre o assunto:

“A declaração do vereador Carlos Bolsonaro, filho do Presidente da República, é bastante preocupante. Coloca em questão algo que não está em questão, que é a democracia brasileira. Por mais que haja problemas, não existe outro caminho que não seja a democracia. Cabe perguntar ao vereador e ao presidente, pois mantêm perfeita simbiose, se essa manifestação seria um balão de ensaio, um teste”, disse o advogado em entrevista a Constança Rezende, do portal UOL.

“O vereador também deveria esclarecer o que pensa e defende. Seria ungir o próprio pai à condição de senhor absoluto da nação, de ditador?”, completou.

Entusiasta política e acadêmica de Engenharia Química (UFPR) nas horas vagas; liberal na economia e nos costumes. Diretamente da República de Curitiba.