Pará » Polícia
Mãe defende filha de 10 anos e mata estuprador a facadas

Segundo a polícia, mulher agiu em legítima defesa e não será indiciada por homicídio.

14/02/2020 09h10

Um homem, identificado como Raylan Lima, foi morto a facadas na cidade de Parauapebas, sudoeste do Pará. Ele foi morto por uma mulher, que segundo ela agiu em legítima defesa para proteger a filha de 10 anos de um estupro.

Segundo relatos, o homem entrou na residência e começou a abusar da jovem, mas foi impedido pela mulher. Havendo luta corporal, a mulher pegou uma faca e desferiu contra o homem, não resistindo aos ferimentos e morrendo no local.

Quando a polícia chegou, encontrou o corpo do homem na cozinha sem roupas. A mulher foi levada para a delegacia e após os depoimentos, foi encaminhada para o hospital para cuidados médicos. Elas estão fora de qualquer risco.

Segundo o delegado titular da 20ª Seccional de Policial Civil da cidade, Élcio de Deus, afirmou que a mãe agiu por legítima defesa e não será indiciado por homicídio.

Fonte: G1

Ainda neste domingo, o MBL disponibilizou gratuitamente o documentário “Não vai ter golpe” no Youtube, link para acesso

Estudante de Engenharia Civil, corintiano, cristão SUD, um nerd apaixonado por cozinha, humor e muito conhecimento. Membro do MBL Brasília e um preguiçoso redator do MBL NEWS