Sem Categoria
Eduardo Bolsonaro grava vídeo para endossar o AI-5 citando Dilma Rousseff e Cel. Ustra

Mesmo após polêmicas, Eduardo volta a defender, ainda que de forma sutil, o AI-5.

31/10/2019 17h02

Após a polêmica envolvendo o deputado federal Eduardo Bolsonaro e a sua citação ao AI-5 no programa de entrevistas da jornalista Leda Nagle, o filho do presidente da República voltou a defender o Ato Institucional da ditadura militar.

Na tarde desta quinta-feira (31/10), em seu perfil oficial no Twitter, o Zero Três postou um vídeo no qual ele mostra o que tem ocorrido no Chile e diz que a “estratégia da esquerda para derrubar um presidente de direita” pode chegar ao Brasil.

Eduardo, ainda, relembra o período do início do regime militar brasileiro, quando movimentos de esquerda deram início a lutas armadas dentro do país.

“O QUE FOI O AI-5?
Dilma, Lula, Franklin Martins, Marighella, Lamarca e outros trouxeram pânico e terror ao Brasil no final dos anos 1960 e início dos 70. Hoje a estratégia se repete no Chile e a esquerda brasileira está louca para trazer isso para o Brasil.”
, escreveu o parlamentar.

Arraste para o lado para ler mais notícias!

Entusiasta política e acadêmica de Engenharia Química (UFPR) nas horas vagas; liberal na economia e nos costumes. Diretamente da República de Curitiba.