fbpx
Lava Jato
As mensagens apagadas de Manuela D’ávila com o hacker sobre o pavão misterioso

Apagadas?

04/10/2019 14h57

A ex-deputado e ex-candidata a vice-presidente, Manuel D’ávila, disse que algumas mensagens que trocou com Walter Delgatti Neto, o hacker, foram apagadas de seu Telegram.

Em depoimento à Polícia Federal no dia 28 de agosto, quando apresentou uma sequência de prints da conversa que teve com o hacker, Manuela disse que os prints não incluíam algumas mensagens. Por isso, essas mensagens não foram incluídas no inquérito policial.

Manuela contou à PF que entre as mensagens apagadas estava a descoberta, por parte do hacker, sobre quem estava atrás do perfil “pavão misterioso”. Pavão misterioso divulgou teorias sobre o The Intercept sobre um suposto envolvimento de hackers russos no vazamento de mensagens de autoridades. No fim, eram hackers de Araraquara. As teorias chegaram as ser divulgadas até pelos próprios filhos do presidente Jair Bolsonaro.

Nem a matéria do Estadão, nem O Antagonista fazem menção à identidade do pavão misterioso, mas o MBL lembra que o perfil do hacker no Twitter havia relacionado pavão ao blogueiro Allan dos Santos, do canal Terça Livre. Print abaixo: