Dudu espalha fake news e fala em honestidade
Eduardo Bolsonaro em um dia normal no Twitter

Na segunda-feira (05), o filhinho mais velho de Bolsonaro veio ao Twitter em uma tentativa de desmascarar a "falsa direita", narrativa que o jornalista Rodrigo Constantino também estava divulgando neste mesmo dia (engraçado, não?)

Eduardo Bolsonaro
Eduardo Bolsonaro Foto: Divulgação

Ser honeto nesse país dá trabalho?

Eduardo, a primeira notícia que você divulgou trata-se de uma fake news, garoto. Quem declarou voto em Lula foi Tiago Pavinatto que não faz mais parte do MBL desde o final do ano passado. Logo, não trata-se de um posicionamento oficial de todo o movimento, como talvez você quis induzir.

Quanto a Pondé, em seu artigo na Folha, declarou: "Numa eventual disputa no segundo turno em 2022 entre Bolsonaro e Lula, a sensibilidade conservadora indica que o Lula seria a opção menos ruim.". Mas deixou claro que seriam ambas as opções péssimas. Porém, falando de conservadorismo, ele deixou claro o porquê dele ser o "menos ruim" no seu ponto de vista.

Conservadorismo. Um rótulo muito usado por Dudu Bolsonaro e outros bolsonaristas que não sabem ao menos o seu real significado além de "ser patriota, cristão e defender a família".

Você está sendo roubado! O sistema usa o seu dinheiro, abusa de privilégios e cria leis para se blindar. O MBL vai na contramão desse sistema, lutando contra o Foro Privilegiado, Fundão e na defesa da prisão em segunda Instância e reformas. A batalha é desequilibrada, nós só podemos contar com você. Doe para o MBL clicando aqui.
continua em outra matéria