Caso Sítio de Atibaia: Processo contra Lula é enviado ao STJ
O processo rendeu a segunda condenação do ex-presidiário

De acordo com informações do UOL, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) encaminhou ontem para o Superior Tribunal de Justiça (STJ) o processo do sítio de Atibaia (SP), que chegou a render a segunda condenação do ex-presidiário Lula em ações judiciais da Operação Lava Jato.

Lula (Reprodução/Internet)

O aviso do envio foi realizado ontem, às 18h58, no sistema do tribunal de segunda instância. No entanto, o encaminhamento ocorre a quase dois meses após um despacho do vice-presidente do TRF-4, Luís Alberto D' Azevedo Aurvalle. Em 2 de dezembro de 2020, ele não reconheceu os últimos recursos do petista na segunda instância e permitiu a ida da ação para o STJ.

Na segunda instância, Lula teve a pena ampliada para mais 17 anos de detenção pelos desembargadores do tribunal regional. Na primeira instância, a sentença do caso do sítio tinha sido determinada a reclusão de quase 13 anos. O petista foi acusado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Apesar da condenação, infelizmente o ex-presidiário está solto por causa de uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que barrou a prisão após condenação em segunda instância. Por tanto, temos que aguentar ele andando para qualquer lugar com condenações seríssimas em suas costas. Esse é o país da impunidade, onde o crime compensa.

Contém informações da/o Portal UOL.
Você está sendo roubado! O sistema usa o seu dinheiro, abusa de privilégios e cria leis para se blindar. O MBL vai na contramão desse sistema, lutando contra o Foro Privilegiado, Fundão e na defesa da prisão em segunda Instância e reformas. A batalha é desequilibrada, nós só podemos contar com você. Doe para o MBL clicando aqui.
continua em outra matéria