BOMBA: Renan faz lista com as revelações de Mandetta
"Foi um depoimento importante na minha opinião" - disse Calheiros

Relator da CPI da Covid, o senador Renan Calheiros (MDB-AL) elencou uma lista de revelações feitas pelo ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta que atingem o governo do presidente Jair Bolsonaro.

Luiz Henrique Mandetta
Luiz Henrique Mandetta (Imagem: Adriano Machado/Reuters)

Em entrevista à Folha de São Paulo, Calheiros revelou:

“O depoimento mostrou que houve aconselhamento paralelo na Covid, adoção da cloroquina ao arrepio do Ministério [da Saúde], participação de Carlos Bolsonaro [vereador do Rio e filho do presidente] em reuniões (por que?) e alerta sobre 180 mil mortes [Mandetta disse na CPI que afirmou a Bolsonaro que os óbitos poderiam chegar a esse número)"

"Bolsonaro divergiu das orientações científicas, no isolamento e na cloroquina. Foi um depoimento importante na minha opinião para clarear exatamente o que ocorreu naquele momento inicial da pandemia"

"Também é relevante a informação de que Mandetta viu um decreto para mudar a bula e recomendar a cloroquina"

Mandetta havia dito na CPI que os aconselhamentos de grupos paralelos eram constantes na gestão de Bolsonaro e fora nessa ocasião que chegaram a sugerir que a bula da cloroquina fosse modificada por decreto para poder ser receitada no tratamento da Covid-19.

Renan Calheiros ainda disse que a CPI já tem "gerado uma mudança elogiável no comportamento, na condução de vacinas, na negociação de insumos e até mesmo no abandono do negacionismo” por parte do governo. Quando percebemos algo estranho no comportamento de certas pessoas perante essa CPI, sabemos que é aí que mora o problema. Algo tem.

Contém informações da/o Folha.
Você está sendo roubado! O sistema usa o seu dinheiro, abusa de privilégios e cria leis para se blindar. O MBL vai na contramão desse sistema, lutando contra o Foro Privilegiado, Fundão e na defesa da prisão em segunda Instância e reformas. A batalha é desequilibrada, nós só podemos contar com você. Doe para o MBL clicando aqui.
continua em outra matéria