ALERTA: OMS se pronuncia sobre o Brasil
O diretor da organização vê situação "muito séria" em nosso país

Tedros Adhanom, diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS) se pronunciou sobre a situação atual do Brasil perante o enfrentamento ao Coronavírus. Ele explicou que a preocupação é que os números no Brasil continuavam a crescer nos últimos meses, enquanto outros países apresentavam uma queda na curva de infectados.

Tedros Adhanom Ghebreyesus
Tedros Adhanom Ghebreyesus (Fabrice Coffrini/Reuters)

Em coletiva de imprensa transmitida nesta sexta-feira, ele afirmou:

"O Brasil tem que encarar essa situação muito seriamente. Se não forem tomadas medidas que impactem a tramissão do vírus, não será possível achatar a curva de contaminados".

"Se o Brasil não tomar medidas sérias [para conter a pandemia], pode afetar todos os países da América Latina",

Tedros acredita que os governantes devam tomar medidas agressivas para conter a diminuição da disseminação da doença.

Na quarta-feira (03), o Brasil chegou a registrar mais de 1910 mortes, batendo um novo recorde.

Contém informações da/o SBT News.
Você está sendo roubado! O sistema usa o seu dinheiro, abusa de privilégios e cria leis para se blindar. O MBL vai na contramão desse sistema, lutando contra o Foro Privilegiado, Fundão e na defesa da prisão em segunda Instância e reformas. A batalha é desequilibrada, nós só podemos contar com você. Doe para o MBL clicando aqui.
continua em outra matéria