Acharam o Queiroz e o local vai lhe surpreender
Sem a tornozeleira eletrônica, o ex-presidiário está aproveitando a liberdade

O famoso ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, o policial militar Fabrício Queiroz foi visto na semana passada no estacionamento do Palácio Guanabara, sede do governo do estado do Rio de Janeiro.

Fabrício Queiroz
Fabrício Queiroz (REPRODUÇÃO)

O governo disse que não há registro de entrada dele no prédio do Palácio Guanabara. Nisso, vale lembrar que o governador Cláudio Castro é aliado de Flávio e de Jair Bolsonaro.

Ele é foi apontado pelo MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) como operador de um esquema de devolução de salário que existia no gabinete do filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro. Foi preso em junho do ano passado em Atibaia, na casa de Frederick Wassef, um dos advogados de Flávio Bolsonaro. Porém, sua prisão domiciliar monitorada por tornozeleira eletrônica terminou em março deste ano.

Com isso tudo, agora Queiroz está até priorizando apps que permitem a destruição automática de mensagens como o "Signal" e o "Telegram". Ele baixou os novos aplicativos há pouco mais de uma semana, segundo o Uol.

Contém informações da/o Uol.
Você está sendo roubado! O sistema usa o seu dinheiro, abusa de privilégios e cria leis para se blindar. O MBL vai na contramão desse sistema, lutando contra o Foro Privilegiado, Fundão e na defesa da prisão em segunda Instância e reformas. A batalha é desequilibrada, nós só podemos contar com você. Doe para o MBL clicando aqui.
continua em outra matéria