fbpx
Sem categoria
Câmara Municipal de São Caetano contraria TCE e aprova contas de 2012 do prefeito Auricchio

Por 15 a 4 Câmara rejeita o parecer do TCE e aprova as contas do Prefeito Auricchio.

13/03/2019 15h05

Por 15 a 4 Câmara rejeita o parecer do TCE e aprova as contas do Prefeito Auricchio.

ercício de 2012 do Prefeito José Auricchio Júnior reprovadas pelo TCE (Tribunal de Contas do Estado) foram colocadas em votação. À época o TCE apontou déficit de 33,58% no orçamento do município, o descumprimento do artigo 42 da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) que veda a Prefeitura contrair obrigações de despesa que não possa ser cumprido integralmente dentro do exercício nos dois últimos quadrimestres do mandato, entre outros descumprimentos como os do artigo 73, inciso VII, da Lei Eleitoral.

O Prefeito precisava de 13 votos para derrubar o parecer do TCE e conseguiu 15, ou seja, toda a base governista votou favorável ao prefeito.
Chamou a atenção o fato de que três vereadores, que no ano de 2015 nessa mesma votação acerca das contas do prefeito, votaram contra as suas contas (ou seja, a favor do parecer do TCE), mas desta vez mudaram seus votos, são eles: o Presidente da Câmara Municipal Éclerson Pio Mielo (MDB), Sidão da Padaria (MDB) e Maurício Fernandes (DEM).

Por outro lado, os votos contra as contas do prefeito foram dos vereadores Ubiratan Figueiredo e César Oliva, ambos do PR, Chico Bento e Jander Lira, do PP.

Pedro Umbelino lamentou o resultado da votação: “Os vereadores da base são submissos ao prefeito, eles ignoraram um parecer técnico que apontou o déficit na cidade deixado por Auricchio. Votação vergonhosa, a população não pode se esquecer disso”.