fbpx
Goiás
Secretária de Economia de Goiás quer flexibilizar regra de privatizações

A secretária de Economia de Goiás, Cristiane Schmidt, quer flexibilizar regra de privatizações para que o estado entre no Regime de Recuperação Fiscal (RRF).

04/11/2019 10h56

A secretária de Economia de Goiás, Cristiane Schmidt, sugeriu ao secretário do Tesouro Nacional (STN), Mansueto Almeida, a flexibilização das exigências de privatização de empresas de saneamento, energia e bancos, para que os estados entrem no Regime de Recuperação Fiscal (RRF). A medida poderia facilitar a privatização da Saneago, ou a venda de suas ações, apesar do Governador Ronaldo Caiado (DEM) já ter garantido que não irá privatizar a Saneago.

Não é possível que a gente consiga passar uma reforma da Previdência e, pelo fato de termos feito um IPO na Saneago e não uma privatização, que isso nos inviabilize no RRF”, afirmou Shmidt.

Para vender 49% das ações, a Saneago terá que adotar a Oferta Pública Inicial (IPO, que no original em inglês é Initial Public Offering) que ocorre quando uma empresa vai para a Bolsa de Valores pela primeira vez. A medida dificultaria o estado de Goiás a entrar no RRF.

Química Industrial, Tatuadora, Desenhista, Cristã Reformada e aspirante a Teóloga.