São Paulo
Rodrigo Bocardi é acusado de racismo por telespectadores do BDSP

Telespectadores ficam indignados com a pergunta de Bocardi

09/02/2020 22h21 - Por Antonio Glenio

Na última sexta-feira (7), o apresentador do telejornal Bom Dia São Paulo da rede Globo, Rodrigo Bocardi, foi duramente criticado pelos telespectadores por uma pergunta feita a um rapaz, na qual muitos julgaram a pergunta como racista.

A polêmica começou quando o repórter do telejornal estava fazendo uma reportagem sobre a dificuldade que moradores da zona leste de São Paulo passam ao utilizar o metrô quando ele está lotado na linha vermelha. No momento em que o repórter foi entrevistar o jovem Leonel, que estava a caminho do Clube Pinheiros, Bocardi interrompeu o repórter para perguntar se o rapaz “pegava bolinhas”, o repórter não entendeu o questionamento e Bocardi explicou que queria saber se o rapaz era gandula no clube, e Leonel respondeu que era atleta. Por Leonel ser negro, os telespectadores entenderam que Bocardi estava insinuando que o rapaz por ser negro não poderia ser atleta, e devido a isso, muitos o acusaram de racista.

Em seu Instagram, Bocardi subiu um vídeo com um trecho do BDSP que mostrava Bocardi junto aos pegadores de bola [que usavam uma camisa bem semelhante a de Leonel]. Na legenda, ele afirmou que os jogadores de tênis não usam uniformes, mas os pegadores/rebatedores sim.

“Muito triste a acusação de preconceito. Eu pratico tênis no Clube Pinheiros. Os jogadores de tênis não usam uniformes, mas os pegadores de bola sim: uma camiseta igual a do Leonel, com quem tive o prazer de conversar hoje. Ao vê-lo com a camiseta que vejo sempre, todos os dias, pegadores/rebatedores de todas as cores de pele, pensei que fosse um deles. Não frequento outras áreas do clube onde outros esportes são praticados. E não sabia que a camiseta era parecida. Se soubesse, teria perguntado em qual área ou esporte trabalhava ou treinava. Nunca escondi minha origem humilde”, escreveu Bocardi em seu Instagram.

Até quando a patrulha do politicamente correto continuará manchando reputações por pura lacração? Sempre haverá dois lados de uma história e é necessário ouvi-los antes de sair acusando uma pessoa de um prática tão grave como o racismo.

Revisores: Felipe Donadi.

Fonte: G1