Educação » Goiás
Reitor da UFG é vaiado ao citar Paulo Freire em discurso

Episódio ocorreu durante a colação de grau de formandos do curso de Medicina da Universidade Federal de Goiás (UFG).

14/01/2020 15h14

Durante a colação de grau do curso de Medicina da Universidade Federal de Goiás (UFG), que ocorreu na última quinta-feira (9), o reitor Edward Madureira foi vaiado ao citar Paulo Freire em seu discurso. Uma plateia de 5 mil pessoas assistia à formatura de 100 formandos em Medicina da Universidade no Centro de Convenções da instituição, quando o episódio ocorreu.

Segundo o jornal Opção, o pró-reitor Adjunto de Graduação da UFG Israel Elias Trindade destacou que o discurso de Edward foi mais aplaudido do que vaiado, mas relatou o pequeno infortúnio: “Ao final de seu discurso, o reitor fez uma citação de Paulo Freire que diz muito sobre sua trajetória enquanto professor e reitor da UFG por três mandatos. Uma citação que pauta em valores e princípios básicos na construção de uma sociedade mais justa, libertadora e humana. Neste momento, foi interrompido com protestos isolados de alguns que ainda se esforçam para não reconhecer o legado histórico de Paulo Freire à educação. Esses protestos foram sufocados, no mesmo momento, por uma onda de aplausos”.

Química Industrial, Tatuadora, Desenhista, Cristã Reformada e aspirante a Teóloga.