São Paulo » Transporte
Prefeitura lança edital de licitação para lotear os terminais de ônibus em São Paulo

Chamamento da PPP (Parceria Público Privada) foi publicado no último dia 14

15/01/2020 14h51 - Por Orlando Neto

Foto: Viatrolebus SPTRANS

Autor: Orlando Neto

Através da PPP (Parceria Público Privada), a prefeitura de São Paulo pretende que empresas do setor privado administrem, mantenham, conservem, requalifiquem e explorem comercialmente todos os trinta e um terminais urbanos de ônibus da cidade e mais os pontos de parada Clínicas e Eldorado, além do Expresso Tiradentes e mais quatro corredores de ônibus.

A contraprestação máxima prevista pelo edital é de R$ 14,52 milhões, dividida em três blocos; Noroeste (R$ 4,26 milhões), Sul (R$5,27 milhões) e Leste (R$4,99 milhões). Os benefícios econômicos previstos pela prefeitura são de R$ 3,37 bilhões durante os 30 anos da concessão. Hoje, segundo o prefeito, o custo gerado para os cofres públicos pelos terminais e demais espaços é de R$258,4 milhões por ano.

Segundo o edital, as empresas vencedoras deverão também se responsabilizar pela revitalização dos espaços, bem como pela vigilância, segurança e limpeza. As empresas vencedoras serão conhecidas até o próximo dia 19 de fevereiro.

O atual modelo de gestão desses espaços, tão necessários ao cidadão paulistano, se mostra totalmente ineficaz, com terminais mal sinalizados, sujos, em péssimo estado de conservação, mal administrados, mal explorados comercialmente e que prestam um serviço muito aquém das necessidades da população. Toda a iniciativa que visa à melhoria dos serviços e espaços públicos através da iniciativa privada é muito bem vinda. Cabe a nós cidadãos fiscalizarmos através de uma vigilância constante se todas as melhorias prometidas e tão necessárias serão de fato implantadas.

Revisores: Rodrigo Vieira e Felipe Donadi.

Fonte: Folha/Jornal Agora