Economia » Rio de Janeiro
Prefeitura do Rio inicia o ano devendo R$ 500 milhões a empreiteiras

Levantamento feito pela Associação de Empresas de Engenharia (Aeerj) revela que o município fechou 2019 em situação crítica.

03/02/2020 18h31 - Por Mauro Gabriel

De acordo com a colunista Berenice Seara, do Extra, a Aeerj (Associação de Empresas de Engenhari) que só leva em conta os valores relacionados à infraestrutura, revelou que o município terminou o último ano em estado crítico. Dos 1,2 bilhão em contratos da Secretaria Infraestrutura, Habitação e Conservação, com Geo-Rio, RioUrbe, Parques e Jardins e Rio-Águas, somente 58% foi pago.

Ainda de acordo com os relatos de Berenice, Crivella criou uma comissão para renegociar o valor dessas dívidas que deveriam ter sido quitadas até fim do ano passado.

Todos os valores devem ser pagos em ordem cronológica, de acordo com o tempo em que o contrato foi assinado.

Por conta disso, Crivella pode cometer crime de responsabilidade se pagar primeiro as empreiteiras que diminuírem o valor da dívida.