Rio Grande do Sul
Prefeitura de Garibaldi adquire equipamentos por valor 3x superior ao de mercado

Prefeitura realizou licitação na modalidade “menor preço unitário” e adquiriu equipamentos 3x mais caros.

10/01/2020 06h00 - Por Camila Greff

Os cidadãos de Garibaldi/RS vêm questionando a atual administração do Município, depois que a Prefeitura realizou processo licitatório para a aquisição de equipamentos de climatização a um custo três vezes maior que o preço de mercado. Indignados, os moradores denunciam a má utilização dos recursos públicos por parte do Executivo municipal e pedem explicações.

O edital foi aberto pela Administração Pública de Garibaldi em novembro, na modalidade menor preço unitário, para a aquisição de equipamentos e material permanente. Dentre os 21 produtos descritos no instrumento licitatório, um deles versava sobre a aquisição de 40 aquecedores de ambiente portáteis, com potência de 1500 a 2000 watts. A empresa vencedora, situada em Giruá/RS, vendeu os equipamentos pelo preço unitário de R$ 275, totalizando R$ 11 mil apenas para os climatizadores.

O portal de notícias LEOUVE, contatado pelo moradores de Garibaldi, realizou pesquisa em lojas de eletrodomésticos que indicaram que o preço unitário de mercado dos equipamentos de climatização adquiridos pela Prefeitura representa, em média, um terço do valor pago, isto é, R$ 93,33. Procurada para prestar esclarecimentos, a Prefeitura enviou a seguinte resposta:

“O município foi contemplado com recursos financeiros da União para a aquisição de equipamentos e materiais permanentes. O Ministério da Saúde possui a Renem (Relação Nacional de Equipamentos e Materiais Permanentes) para o SUS, que já dá a especificação do equipamento, bem como sugere o valor máximo de aquisição. Por meio do Pregão 117/2019, tivemos várias empresas habilitadas que participaram e que fizeram a cotação do item, restando o valor final mencionado. Não há nenhuma irregularidade no processo e o mesmo foi aprovado pelo Conselho Municipal de Saúde”.