Pará
Obra no BRT metropolitano de Belém/PA tem novo prazo definido

Mais uma obra do Governo Barbalho que tem o prazo descumprido

10/01/2020 13h30 - Por Vinícius Vinholte

Após “entregar” um hospital regional em Capanema que não tem atendido a população, a nova BR-316 como foi chamada pelo do governo estadual ou BRT metropolitano teve apenas 9% do seu projeto concluído, a expectativa era de que ao menos 30% da obra já estivesse concluída até o fim de 2019, porém devido à ingerência do governo paraense o prazo foi alterado

A obra teve inicio no dia 14 de janeiro de 2019 e constava que seu encerramento seria em 585 dias, ou seja, em agosto de 2020. Entretanto, a data de termino informada pela empresa responsável pela obra já está para dezembro de 2020.

O projeto tem como objetivo reformar a BR, inserindo ciclovias, 13 estações de passageiros, 13 passarelas, implantação de drenagem e dois terminais em Marituba e Ananindeua. Esse atraso foi trazido pelo Jornal Liberal no dia 7 de Janeiro que avaliou os 11 primeiros quilômetros da obra, a equipe do Liberal apontou em sua reportagem que muitos canteiros de obra estão vazios e questionando o governo as justificativas giraram em torno de questões climáticas, adequações na infraestrutura da BR para receber as obras e demora na implantação dos canteiros. Na reportagem a população em geral reclamou que devido as obras o trânsito na BR tem ficado cada vez mais engarrafado e a rodovia mais estreita.

Com o orçamento de R$ 384 milhões e com 15% do mesmo utilizado nesse primeiro ano fica o receio de que obra não se conclua no novo prazo, caso o ritmo do ano passado se repita e mais do dinheiro público seja aplicado para dar continuidade a obra.