Eleições 2020 » Política » Rio de Janeiro
Justiça do Rio de Janeiro absolve ex-prefeito Eduardo Paes

Ele era acusado de improbidade administrativa

14/01/2020 10h45

O Ex-prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes foi absolvido de uma ação civil pública por improbidade administrativa. Segundo a acusação, Paes teria cancelado irregularmente pagamentos já empenhados no valor de R$1,5 bilhão na gestão passada.

De acordo com o Ministério Público, os pagamentos foram cancelados por uma senha criada sem nenhuma identificação de funcionários. Os promotores afirmam que este cancelamento teve impacto direto nas prestadoras de serviço de órgãos municipais, resultando em juros moratórios, correção monetária e multas contratuais.

Vale lembrar que o atual prefeito da cidade, Marcelo Crivella, afirma que herdou dívidas da gestão do Eduardo Paes. Agora, a justiça concluiu que o ex-prefeito não cometeu ilegalidades ao cancelar o pagamento e não feriu nenhum dispositivo da Lei de Responsabilidade Fiscal. A Justiça também utilizou o parecer do Tribunal de Contas do Município (TCM), que afirma não ter encontrado dívidas no orçamento. Mas ainda cabe recurso.

Jornalista formado pela UniverCidade, pós-graduado em Sociologia, Política e Cultura pela PUC-Rio. Formado em cinema pela New York Film Academy. Um liberal de direita que luta desde sempre pelos ideais que acredita.