Câmara Municipal » Mato Grosso
Justiça determina retomada da CPI do Paletó

Na ultima sexta-feira, 10 de janeiro, a desembargadora Helena Maria Bezerra Ramos, do Tribunal de Justiça de

13/01/2020 18h33

Na ultima sexta-feira, 10 de janeiro, a desembargadora Helena Maria Bezerra Ramos, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), revogou uma liminar e determinou que a Câmara Municipal retome os trabalhos da CPI do Paletó, criada para investigar o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), a informação é do site Olhar Jurídico.

A CPI, que investiga a relação do prefeito com esquemas de corrupção gravados em vídeo e delatados pelo ex-governador Silval Barbosa (MDB), é alvo de disputas politicas e judiciais desde que foi proposta em 2017, vereadores da oposição questionam a indicação de membros para a CPI que não assinaram o requerimento inicial, o contraria o regimento interno da Câmara.

Com a decisão, a CPI, já com nova formação, terá 120 dias prorrogáveis por igual período para concluir seus trabalhos.

Relembre o caso:

Em agosto de 2017 os vídeos constantes na delação premiada do ex-governador Silval Barbosa ganharam repercussão local e nacional, nas imagens, deputados estaduais apareciam buscando dinheiro em espécie na sala do chefe de gabinete do governador, Silvio Corrêa.

Na época deputado estadual, Emanuel Pinheiro é um dos que aparecem nos vídeos guardando maços de dinheiro no paletó.

O MBL Mato Grosso organizou manifestações na Câmara Municipal e a pressão aos vereadores para conseguir a criação da CPI.

Veja o vídeo: