Goiás
Justiça condena vereador de Goiânia por desvios de recursos no Parque Mutirama e Zoológico

Nove pessoas foram denunciadas pela Operação Multigrana, entre eles o vereador Zander Fábio (Patriotas) de Goiânia.

30/01/2020 14h52

Nove pessoas foram condenadas pela Justiça por desvios de dinheiro público das bilheterias do parque Mutirama e do Zoológico de Goiânia. Entre os que foram denunciados está o vereador de Goiânia, Zander Fábio (Patriotas).

A investigação foi deflagrada pela Operação Multigrana. A condenação foi da juíza Placidina Pires, da Vara dos Feitos Relativos a Delitos Praticados por Organização Criminosa e Lavagem de Capitais. A pena pode chegar a 12 anos de prisão para cada um dos acusados. A sentença cabe recurso e as penas somente serão cumpridas após o trânsito em julgado. Também está prevista uma reparação de  danos que pode chegar a R$2,2 milhões.

Foi decretada a perda e a proibição de exercer cargos públicos por oito anos para Zander Fábio, e para todos os condenados que possuíam cargos públicos. Os que não possuem cargos públicos foram apenas inabilitados de exercer cargos e funções públicas por oito anos.

De acordo com o Ministério Público, em denúncia realizada em agosto de 2017, de maio de 2014 a abril de 2017, os acusados Clenilson Fraga da Silva, Dário Alves Paiva Neto, Fabiana Narikawa Assunção, Geraldo Magela Nascimento, Larissa Carneiro de Oliveira, Leandro Rodrigues Domingues, Tânia Camila de Jesus Nascimento e Zander Fábio Alves da Costa, integravam uma organização criminosa que teria atuado no âmbito da Agetul desviando dinheiro público por meio da venda de ingressos duplicados/falsificados das bilheterias dos parques Mutirama e do Zoológico.

*Informações são do Jornal Mais Goiás.

Química Industrial, Tatuadora, Desenhista, Cristã Reformada e aspirante a Teóloga.