fbpx
Goiás » São Paulo
João Doria processa novamente Jorge Kajuru e o acusa de cometer 27 crimes contra a honra

O processo criminal do governador de São Paulo contra o Senador de Goiás seria por causa de vários posts nas redes sociais do Senador, que teriam ofendido sua honra.

25/09/2019 11h30

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB-SP), entrou na última terça-feira (24) com um processo criminal contra o senador de Goiás, Jorge Kajuru (PRB-GO), acusando-o de ter cometido 27 crimes de calúnia, difamação e injúria.

Em suas redes sociais, em vários posts Kajuru chamou o tucano de “sujo”, “mentiroso”, “picareta social”, “gângster anti Brasil”, “lixo não reciclável”, “bandido”, “canalha”, “almofadinha de quinta”, “vigarista” entre outros. Além disso, Kajuru acusou Doria de comandar uma “quadrilha dos Detrans” e de que teria nomeado uma amante em cargo especial.

Para a defesa de Doria, representada pelo advogado Fernando José da Costa, Kajuru não deve ser protegido pela imunidade parlamentar, pois as ofensas não tem ligação com o desempenho da função legislativa e não foram proferidas em razão dela. 

O governador de São Paulo já havia processado Jorge Kajuru em abril deste ano por calúnia, injúria e difamação, por Kajuru tê-lo chamado de “escória da escória” e “chumbrega”.

Química Industrial, Tatuadora, Desenhista, Cristã Reformada e aspirante a Teóloga.