Pará
Investigação sobre incêndios em Alter do Chão ganha mais um capítulo

Justiça do estado do Pará institui que as investigações sobre as queimadas em Alter do Chão sejam retomadas

22/01/2020 21h08

A Policia Civil, por determinação da Justiça do Pará, ouvirá 13 testemunhas no caso das queimadas ocorridas no ano passado em Alter do Chão, Santarém/PA, a ação marca a retomada das investigações da operação Fogo do Sairé.

As investigações contavam com um desfecho desde o dia 19 de dezembro de 2019, quando 4 brigadistas e mais 1 pessoa, que não integrava o grupo de brigadistas, foram indiciados por, segundo a Polícia, causarem os incêndios para ganhar com as doações que deveriam ser usadas para combater o fogo.

Contudo, nesta terça-feira, 21 de janeiro, por determinação do juiz Alexandre Rizzi, responsável pela 1ª Vara Criminal de Santarém, as investigações foram reabertas. Com isso o juiz atende requisição do Ministério Público do Pará (MP/PA).

O juiz ainda ordena que a policia paraense remeta os laudos da perícia para a Polícia Federal (PF), em Santarém/PA, e para o Ministério Público Federal (MPF). Segundo Alexandre o caso não deveria ser investigado pela Polícia Civil, mas sim pela Polícia Federal.