São Paulo
Falta de Iluminação pública e ausência de bocas de lobo para escoamento das águas pluviais prejudica moradores do Jardim Tropical (Sorocaba)

Moradores do Jardim Tropical relatam problemas de infraestrutura urbana e convidam Ítalo Moreira porta-voz do MBL Sorocaba para conhecer o problema local.

15/01/2020 22h10 - Por Diego Ramos

Jardim Tropical-Falta de Iluminação Pública e Bocas de Lobo causam transtornos
(Foto:Jornal Itavuvu)

Sem infraestrutura de drenagem de águas pluviais, conhecida como bocas de lobo, a estrada do Ipatinga, Rua Marília de Dirceu Ferreira da Silva e Rua Thales de Tate, localizadas no Jardim Tropical, em dias de chuva ficam alagadas, o que causa transtorno aos moradores durante o período de chuvas, pois a água fica parada em poças servindo como criadouro de mosquitos.

Um dos moradores mais antigos do bairro e também líder comunitário, José Alves, que reside no Jardim Tropical desde 2001, relata que o problema de alagamento é rotineiro desde que se mudou no bairro, ele também relata que mesmo com vários líderes comunitários e vereadores tendo encaminhado ofícios e requerimentos ao SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Sorocaba) e a Prefeitura de Sorocaba, ao longo desses anos nada foi feito.

O morador Ray Galdino Matos ressalta, que as poças que ficam nas ruas por dias “são verdadeiros criadouros de mosquitos da dengue”. Além dos riscos para saúde e transtornos, o morador expõe que durante os períodos de inundação os moradores tem prejuízos materiais, relatou sobre moradores que perderam móveis em suas residências, mostra paredes que estão mofadas devido ao excesso de umidade e expõe danos até mesmo na manta asfáltica das ruas que estão com muitos buracos provocados pelas poças de água ,que devido a falta de escoamento ficam ali por dias.


Segundo o Urbanista Rômulo Freire, nas ruas devem haver galerias que servem para escoamento das águas pluviais, estas que por sua vez devem ser alimentadas por bocas de lobo e grelhas, em determinadas situações essa drenagem pode ser feita de forma superficial, porém não em uma cidade que pode chover até 60mm em apenas uma “pancada de chuva”, seria um descaso permitir asfalto (ou seja impermeabilidade) sem sistema de drenagem.

Além dos problemas relatados com a falta de infraestrutura em escoamento de águas pluviais, os moradores expuseram a falta de iluminação pública em determinados pontos do bairro.

O porta-voz do MBL Sorocaba, Ítalo Moreira, que foi convidado pelos moradores a conhecer os problemas, entrará com uma representação no Ministério Público Estadual, baseado em jurisprudências da justiça e na violação de algumas leis referentes a falta de escoamento de água e de iluminação.


Fonte: https://jornalitavuvu.wordpress.com/2020/01/13/falta-de-boca-de-lobo-e-iluminacao-publica-prejudica-moradores-do-jardim-tropical/