Denúncia » Santa Catarina
Deputado Estadual Jessé Lopes sofre represálias por comentários sobre assédio

O deputado foi denunciado à Comissão de Ética da Alesc e ao Ministério Público

19/01/2020 11h31 - Por João Victor Montibelli

No último sábado (11), o deputado Jossé Lopes publicou em seu Twitter críticas à campanha que disponibiliza tatuagens temporárias contra o assédio no Carnaval no estado.

Em sua postagem, ele diz: “Quem, seja homem ou mulher, não gosta de ser assediado(a)?? Massageia o ego mesmo que não se tenha interesse na pessoa que tomou a atitude”.  

Após essas declarações na última quarta-feira (15), a bancada feminina da Alesc, formada por 4 deputadas, apresentou denúncia formal à Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Alesc e ao Ministério Público de Santa Catarina.

O objetivo da bancada é  responder às críticas do deputado em relação à campanha “Não é Não”, que tem como objetivo combater o assédio sexual no Carnaval 2020.

Em nota divulgada pelo portal ND Mais o grupo declarou:

  “(…) entendemos que a medida cabível, então, é apelar para o regramento desta Casa. A denúncia é embasado em um robusto código de ética, e às demais instituições democráticas existentes em nossa sociedade para garantir a defesa dos direitos, impedir retrocessos cívicos e fazer valer o cumprimento das leis”

Fonte: ND Mais.