CPI » São Paulo
CPI da Saúde identifica possível esquema de laranjas em Sorocaba

Instituto responsável por gestão de unidades de saúde do município, apresenta suspeita de laranjas em seu conselho fiscal.

10/03/2020 18h12 - Por Diego Ramos

Foto: Jornal Z norte

Durante as ultimas semanas os vereadores de Sorocaba divulgaram a identificação de um esquema de laranja que atua no instituto diretrizes, organização social(OS), que tem contrato mensal superior a 5 milhões com a prefeitura de Sorocaba, para realizar a gestão das Unidades Pré-Hospitalares da Zona Oeste e Zona Norte, segundo relatos dos vereadores, ao menos 3 pessoas do conselho fiscal da empresa não sabiam que faziam parte do mesmo, inclusive uma delas não sabe ler e nem escrever o próprio nome.

No dia 19/02 vereadores de Sorocaba, estiveram em Osasco/SP, para conversar com três pessoas que figuram no quadro de membros do Conselho Fiscal da Diretrizes, e todas disseram desconhecer o Instituto e negaram que fazem parte dele. A CPI ainda não sabe toda a extensão do caso, porém acredita que o conselho fiscal foi composto por pessoas que tiveram seus dados expostos de alguma forma, muitas delas são moradores de bairros carentes de Osasco/SP e Santo Andre/SP.

Lembrando que a situação da saúde pública em Sorocaba/SP, está lamentável, onde pessoas esperam semanas para conseguir um leito em uma UTI, podendo muitas vezes ir a óbito, antes mesmo de conseguir transferência, como foi o caso de um senhor 64 anos com suspeita de H1N1, que infelizmente não resistiu e veio a óbito na espera por um leito em uma UTI em Sorocaba.

Em nota, o Instituto Diretrizes afirmou que “recebe com contentamento a notícia visto que, tal análise e apuração dos fatos, livre de direcionamentos e alheia a cunhos políticos, dará conta de comprovar inequivocamente a lisura do Instituto bem como a ausência de qualquer fraude ou mesmo irregularidade”.

Fonte: Jornal Cruzeiro Do Sul