Coronavírus » Rio de Janeiro
Coronavírus: Witzel irá decretar situação de emergência no Rio

Governador disse isso após reuniões com shoppings, restaurantes e cinemas

16/03/2020 17h11

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, disse que vai decretar situação de emergência no estado por causa do novo coronavírus. O governador fez esta declaração durante entrevista coletiva no Palácio Guanabara, onde está montando o gabinete de crise.

O estado de emergência ocorre quando há possibilidade de danos à saúde e aos serviços públicos. Witzel disse que não há prazo para o fim do estado de emergência.

Segundo o G1, isso permitirá contratações emergenciais na saúde, além de determinar os empreendimentos que devem fechar ou funcionar parcialmente, como:

  • Shoppings funcionarão em um turno
  • As lojas estarão fechadas e só a praça de alimentação estará aberta
  • Os bares e restaurantes das praças devem funcionar com 1/3 das mesas
  • Academias devem ser fechadas

“É para se adequar imediatamente. Crianças estão em casa. Trabalhadores e também empresários têm que fazer o home-office. Tem que reduzir sensivelmente a presença nas ruas”, afirmou o governador.

“As medidas são para restringir ainda mais a mobilidade das pessoas. A equipe econômica vai fazer sua parte. O Rio de Janeiro passa por situação grave, mas vamos disponibilizar R$ 320 milhões para ajudar pequenas, médias e microempresas. Vamos ajudar com financiamento e carência de 12 meses”, finalizou Witzel.

Jornalista formado pela UniverCidade, pós-graduado em Sociologia, Política e Cultura pela PUC-Rio. Formado em cinema pela New York Film Academy. Um liberal de direita que luta desde sempre pelos ideais que acredita.