Educação » Minas Gerais
Com a continuidade da greve dos professores, Prefeitura de BH decide acionar o Ministério Público

A Prefeitura de Belo Horizonte anunciou hoje que acionará o Ministério Público de Minas Gerais após não

10/03/2020 18h42 - Por Henrique Assunção de Carvalho

A Prefeitura de Belo Horizonte anunciou hoje que acionará o Ministério Público de Minas Gerais após não cumprimento de medida judicial, por parte do Sindicato dos Trabalhadores da Rede Pública Municipal de Belo Horizonte (Sindrede-BH).

Na última quarta-feira(04/03/2020), o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) já havia ordenado o fim da greve, a partir de um pedido da Prefeitura de BH, constando a paralisação como ilegal. Porém, após essa decisão judicial, o Sindrede-BH decidiu, junto aos seus Servidores, manter a greve.

Por mais que muitos Servidores de diversas áreas estejam insatisfeitos com seus atuais salários, percebe-se uma falta de ética ao não ser cumprida uma ordem judicial que determina a interrupção da greve, o que inclusive retira, pelo menos certa parte, da legitimidade dos Servidores.

Por fim, é de se esperar que em ano eleitoral, em um país como o Brasil, possa haver intenções políticas por trás de tal ato.

Fonte: O Tempo