fbpx
Sem categoria
Capitão Wagner diz que “reforma não é perfeita nem é péssima”

Em discurso em defesa da tramitação da proposta da nova previdência o deputado federal disse que a proposta precisa ser discutida na comissão especial

09/04/2019 20h59

Em sessão da Comissão de Constituição e Justiça, e de Cidadania (CCJC) desta terça-feira, 9, o deputado federal Capitão Wagner (PROS-CE) defendeu a tramitação da PEC 6/2019 que trata da nova previdência proposta pelo governo federal, neste momento estava em votação o requerimento de retirada de pauta da deputada Sâmia Bonfim (PSOL-SP).

Em sua fala o parlamentar enfatiza que a reforma da previdência “não é perfeita nem é péssima” e complementa dizendo que “Nós estamos vendo aqui gente defendendo que a reforma é horrível e gente defendendo que a reforma é magnífica”.

Wagner também ressaltou que para fazer as mudanças que a matéria precisa a PEC precisa tramitar e não ficar obstruída na CCJC. O cearense defende que a matéria seja discutida e modificada na comissão especial.

O deputado cita o tratamento à mulher que no regime geral vem diferenciado e no regime próprio vem com o mesmo tratamento do homem e também a questão da professora.

“Então, eu acredito – sou contra a reforma do jeito que está nesse momento – que ela possa ser alterada, para que ela possa de fato proteger os menos favorecidos” esclareceu Capitão Wagner.