fbpx
Brasília
Comitê de Gestão Integrada do DF retira 63 construções irregulares em chácara na Estrutural

Chácara Santa Luzia havia sido visitada há menos de 2 semanas

02/04/2019 15h00

Reportagem: Jonas Fernandes

Revisão: Kdu Sena

O Comitê de Gestão Integrada do Distrito Federal visitou nessa segunda-feira (1°) a Chácara Santa Luzia para retirar 63 construções irregulares da região. Há menos de duas semanas as edificações de madeira da região já haviam sido removidas.

De acordo com o comitê, as estruturas clandestinas foram construídas em cima de uma área chamada Faixa de Tamponamento. A região é importante para a proteção contra danos ambientais e fica junto ao Parque Nacional de Brasília.

Retiraram-se 2 mil metros de cercas de madeira, soterraram-se 9 fossas, destruíram-se 50 metros quadrados de piso de cimento e identificaram-se vários pontos clandestinos de luz e água.

A ocupação da região da chácara nasceu praticamente com a Estrutural, mas novas construções foram iniciadas entre dezembro de 2018 e janeiro de 2019. A principal preocupação do programa DF Legal é promover a legalidade e o crescimento ordenado.

Fonte: Jornal de Brasília.

Administrador, Jornalista, Professor e Pesquisador. Graduado em Administração e Comércio Exterior. Pós-graduado em Direito, Docência e Gestão Pública. Mestre em Economia pela UnB.