Estudante interrompido, músico frustrado, cozinheiro irregular e fundador (e membro mais controverso) do MBL - Movimento Brasil Livre.
Vídeo: Irritado, polonês responde Nilce do ‘Coisa de Nerd’ sobre acusação de NeoNazismo

Polonês não perdoou ofensa da influencer

20/01/2020 17h19

A internet foi tomada por disputas no mínimo polêmicas nos últimos dias. Após a demissão de Roberto Alvim da Cultura — responsável pelo fatídico vídeo filonazista — as redes protagonizaram um verdadeiro campo de batalha entre aqueles que acham que o nazismo foi pior que o comunismo ou os que defendem que são igualmente nocivos.

A youtuber Nilce Moretto, do canal “Coisa de Nerd” resolveu opinar em seu twitter e gerou grande comoção. Além de considerar o nazismo pior — opinião até defensável, dependendo dos argumentos — Nilce, quando confrontada sobre a Polônia, afirmou que o país está “cheio de neonazi”.

Nilce foi pro pau.

A polêmica varreu as redes e chegou até a longínqua Polônia. Lá, um homem que responde ao perfil “Based Poland” resolveu responder a youtuber, como vemos no vídeo abaixo:

“Esta é uma mensagem para uma mulher brasileira que vive no Canadá, Nilce Moretto , que afirmou que a Polônia é um país cheio de ‘neonazis'(…)” — iniciou o homem não identificado.

“Estou caminhando aqui no que foi um dia o Gueto de Varsóvia, onde nazistas alemães prenderam meio milhão de judeus poloneses, matou 99% deles … mas não foram apenas judeus que foram mortos… em Auschwitz, 70 mil poloneses católicos foram mortos, incluindo o irmão do meu avô (…)”

O rapaz prossegue trazendo estatísticas horripilantes dos estragos e do morticínio causado por nazistas em seu país e, respondendo a influencer brasileira, aborda a questão do neonazismo na polônia trazido por Nilce:

“Existem alguns neonazistas na Polônia… estamos falando de algumas centenas de pessoas em meio a uma população de 40 milhões de pessoas. O que nós temos bastante na Polônia, porém, são conservadores, nacionalistas (…)”

” (…) Você pega a marcha de independência…que contava com 300 mil poloneses patriotas nas ruas e por que um ou dois grupos pequenos carregavam faixas com slogans nazistas, você nos misturou a eles (…).

O vídeo do rapaz polonês já está correndo nas redes sociais brasileiras. Até o momento, não houve resposta da youtuber radicada no Canadá.