fbpx
USPiana, católica, mãe de pet e aficionada por educação e política.
Fundão eleitoral: R$3,7 Bilhões!

Como vota, Deputado? #NãoAoFundoEleitoral

21/08/2019 13h35

Ficou para próxima quarta-feira (27), a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) com o fundo eleitoral, que nós carinhosamente apelidamos de FUNDÃO, o excessivo valor que era de R$1,7 bilhão pode passar a ser R$3,7 BILHÕES, ta bom para você? Pois é, dada a situação atual do país, aumentar em até 120% o dinheiro para os políticos fazerem campanhas não é algo que deveria ser cogitado na “casa do povo”.

Antes de tudo, O que é o Fundo Eleitoral, Júlia? Ok, vamos lá! O fundo é algo simples de entender e fácil de gerar revolta, quando vamos ao supermercado comprar o arroz e o feijão de cada dia, nós pagamos impostos de consumo, além desse, pagamos imposto de renda e outros inúmeros impostos… Esse dinheiro, vai para os partidos políticos que distribuem entre os seus candidatos, então, Vereadores, Prefeitos, Governadores, Deputados Federais e Estaduais, Senadores e Presidente podem utilizar esse dinheiro para financiar a sua própria campanha. Agora na votação da LDO, que apresenta o norte dos gastos do país e o limite das despesas dos Poderes, está presente o interesse do relator em aumentar o fundo eleitoral.

Nosso país hoje passa por uma das maiores crises fiscais e o Congresso votará para aumentar R$ 2 BILHÕES no fundo eleitoral – SIM, você está certo em achar isso um ABSURDO! Relatado pelo Deputado Cacá Leão do (PP/BA), o Projeto de Lei nº 5/2019-CN (link do relatório final apresentado), esta balançando as redes sociais, hoje às 10:45, a hashtag #NaoAoFundoEleitoral já estava em quinto lugar no trending topics nacional no Twitter.

Você já parou para imaginar se esses R$3,7 BILHÕES fossem investidos em SAÚDE PÚBLICA? Pois é, poderíamos comprar 15.744 ambulâncias, construir 4.868 maternidades e 5.103 Unidades Básicas de Saúde (UBS).

Me pergunto também onde estão os estudantes que estavam enlouquecidos por causa do contingenciamento dos gastos discricionários das universidades federais em maio – contingenciamento de R$2 Bilhões, exato valor que será aumentado para o fundo eleitoral. Cadê neste momento decisivo toda aquela revolta de quem quer mais dinheiro para a educação? Com o valor do Fundão, poderíamos manter mais de 300 mil crianças na escola durante um ano!

Nosso Deputado Kim Kataguiri apresentou uma emenda/modificação na LDO para impedir que o fundo eleitoral aumente, afinal o uso de dinheiro público em campanha não é moral, o dinheiro dos nossos impostos acaba financiando campanhas políticas de todos os candidatos do país, da extrema esquerda para extrema direita – independente do seu posicionamento. Agora outro ponto para pensarmos é: Sério que alguém que more nessa pátria ache que É PRIORIDADE do orçamento público aumentar o dinheiro das campanhas? Será que está sobrando dinheiro e não estamos sabendo?

Bancadas como a do Partido NOVO se mobilizaram tanto nas redes sociais como na Comissão Mista de Orçamento contra o aumento do fundão, mas em votação simbólica foram voto vencido.

Enquanto 100 milhões de pessoas no Brasil não tem saneamento básico, educação básica pública de qualidade, saúde e segurança, nós vamos gastar 3,7 bilhões de reais para fazer campanha política, cadê o sentido? Não existe! Abusar do nosso dinheiro, pagadores de impostos, como se brotasse em árvores, nossas prioridades não são respeitadas, definitivamente.

As urnas falaram que o povo brasileiro queria RENOVAÇÃO POLÍTICA, 47% da Câmara nunca tinha ocupado cargos de Deputado Federal antes. É triste falarmos em renovação, esperarmos melhorias e vermos velhas práticas ainda serem colocadas em votação. Nós temos que FAZER A DIFERENÇA e FAZER DIFERENTE.
A política é um processo valoroso que assim como a população, deveria ser respeitada. É vocação e não enriquecimento! Fique de olho em seu Deputado e cobre a boa política.

Fica aqui a indicação de um vídeo para você saber mais sobre o fundão e a emenda do Kim:

Até a próxima e lembre-se: #NaoAoFundoEleitoral