Estudante interrompido, músico frustrado, cozinheiro irregular e fundador (e membro mais controverso) do MBL - Movimento Brasil Livre.
Canalhice tucana

Eduardo Leite apoia a decisão do STF que pode colocar empresários em cana

17/12/2019 12h34

O governador Eduardo Leite quer ser presidente. Foi o que disse no constrangedor Congresso tucano deste mês de dezembro. Para isso, pretende pintar como “fiscalmente responsável”, com cara de bom menino pra financiador bancar.

Nunca trabalhou na iniciativa privada. É, desde jovem, um carreirista do tucanato, figurinha carimbada de ONGs de gestão pública e fundações como a Lehmann. Normal, é da vida. Mas a vida cobra.

Eduardo apoia a decisão absurda do STF que pretende colocar em cana empresários honestos que DECLARAM O ICMS mas não pagam. A decisão gera uma insegurança atroz: juízes poderão nomear peritos para decidir se o empresário em questão é ou não é um FRAUDADOR. Além de invasiva e absurda, a decisão abre margem para perseguições, achaque e a definitiva CRIMINALIZAÇÃO DA ATIVIDADE EMPRESARIAL.

Eduardo Leite não entende nada disso. Não conhece a lide do empresário brasileiro, soterrado de impostos e taxas, sem crédito nem capital de giro, vítima da sazonalidade e da sanha da justiça trabalhista. É “piá de prédio”, rostinho pra vender em época de eleição.

Mas quer ser presidente! Simples assim!

Ó glória de mandar! Ó vã cobiça….