fbpx
Bahia
Dayane Pimentel e seu pedido de desculpas fajuto

Mais de 20 assessores, nenhum leu o projeto.

05/09/2019 22h43

Em semana conturbada, nosso querido PSL, partido do Presidente da República, cometeu mais um dos seus graves erros em votações comprometendo mais uma vez o nosso país.

A câmara decidiu votar um PL que beneficia os partidos que recebem fundo partidário. Vou tentar resumir de forma clara e objetiva: O fundo partidário agora pode pagar por advogados de filiados dos partidos, e com esse PL, os partidos que decidirem não usar o fundo e preferem devolver o dinheiro a UNIÃO, não poderão, pois se o partido abrir mão, o dinheiro será repassado para os outros partidos.

Sobre os deputados que votaram a favor deste absurdo, vou falar em especial sobre a Deputada Federal do PSL na Bahia, Dayane Pimentel. A “deputada atrapalhada” postou em suas redes sociais um pedido de desculpas, que, cá pra nós, não colou! Dayane gaguejando disse que estava doente, que o partido orientou votar SIM, mas no final da votação decidiu votar NÃO, enfim, uma trapalhada só. O interessante da contradição é que, muitos deputados do partido da deputada votaram CONTRA o PL, como levar a sério a desculpa de que o partido decidiu a votação favorável?
No meio da enrolação, a deputada falou também que dentro dos partidos tem que haver acordos que às vezes podem ser imorais, mas faz parte da regra do jogo…

Enfim, a deputada, enrolou, enrolou, mas no final não surpreendeu muita gente, até porque, foi ela quem mais usou e abusou do fundo partidário em sua campanha para Deputada.


Vídeo do pedido de desculpas

23 anos. Juazeirense, paixonada por psicologia criminal, pelo liberalismo econômico e pelo objetivismo.