fbpx
Bahia
Dayane Pimentel continua a ignorar correligionários

“Não temos tempo para picuinhas”, afirma Dayane Pimentel

27/03/2019 22h07

Outra vez a deputada federal e presidente do PSL-BA, Dayane Pimentel, é causa da insatisfação de correligionários.

O deputado estadual Capitão Alden declarou que Dayane Pimentel continua sem dialogar com os deputados eleitos do PSL, na Bahia, já que ela não se posiciona sobre a criação de diretórios no estado cuja meta é de 50. O deputado afirma que não está fazendo parte de nenhuma comissão provisória tampouco de diretórios, já que a presidente do partido não tem conversado com ele e com outros correligionários.

Ainda de acordo com Capitão Alden, as pessoas colocadas nas comissões e nos diretórios têm sido escolhidas apenas por Dayane Pimentel e seu marido e secretário de Trabalho, Esportes e Lazer, Alberto Pimentel.

Em sua defesa Dayane Pimentel alegou que as bases bolsonaristas são todas ouvidas e acolhidas, mas que ela não tem tempo para picuinhas. Ainda, afirmou que tomará as providências cabíveis porque, segundo ela, o deputado procurou a imprensa antes de procurar a direção do partido. Ela não disse quais seriam essas providências, no entanto.

Recorde: Não é a primeira vez que correligionários da deputada federal reclamam da falta de diálogo. Anteriormente a deputada estadual, junto com Capitão Alden, também reclamou que a presidente do partido ignora os aliados eleitos no estado da Bahia, conforme noticiamos aqui e aqui.

Informações: Bahia Notícias.

Natural de São Paulo, mas residente em Salvador, é ouvinte de Alborghetti desde 2005, leitor de Olavo de Carvalho desde 2007 e membro do MBL-BA e articulista para assuntos chineses do MBL Nacional desde 2019. Suas principais influências na escrita e no pensamento são Oscar Wilde, Camilo Torres, Arthur Schopenhauer, Roger Scruton, Santo Agostinho, Machado de Assis e outros.